Vencer o medo


Vencer o medo que sufoca,
Que suga todas as energias,
Roubando a paz e as forças,
Levando para bem longe a alegria,
É como se não houvesse um amanhã,
É como se tivesse acabado os dias.

Falta as vezes em quem se apoiar,
Pois tudo em volta parece ter sumido,
É como se gritasse pra todo mundo,
E como se todos tapasse os ouvidos,
Restando apenas se lamentar sozinho,
Entre soluços, choros e gemidos.

Mas é preciso uma reação,
Não conformar e nem dar-se por vencido,
Buscar reforço onde pode encontrar,
Já que nem tudo está perdido,
E nas tempestades saber o segredo,
Que é preciso ter fé para vencer o medo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário