Falta dos amigos


Sinto falta da amizade,
Dos amigos de verdade,
Pois no caminho que trilhei,
Encontrei muita ingratidão,
Pessoas fingidas a quem dei a mão,
Não foram sinceras com meu coração.

Aproveitaram de minha bondade,
Fingiram serem amigas de verdade,
Faltou sabedoria e discernimento,
Pra entender quais seus intentos,
Assim, teria me livrado do traidor,
E não me dedicado com tanto amor.

Creio que não fui bem nas escolhas,
Mas todo mundo tem direito de errar,
Após esses erros, conheci pessoas do bem,
Que se aproximaram de mim, que são queridas,
Verdadeiros irmãos, pessoas de coração,
Que são mais chegados do que um irmão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário