Certos momentos


Tem horas que me sinto só,
Mesmo com uma grande multidão em volta,
Não é a quantidade, e sim a qualidade das pessoas,
Que determina se o ambiente será bom ou ruim,
Não adianta está em um palácio com o inimigo,
Pois não há como encontrar paz ao coração.

É difícil suportar certos momentos,
Quando ao redor vemos rostos fingidos,
Não é preciso ser psicólogo para perceber,
Pessoas que mesmo que nos abrace, deseja o mal,
Ainda que forçosamente esboce algum sorriso,
No fundo o coração, não me deixa fingir.

É difícil pra quem procura ser sincero,
E não aprendeu a arte de disfarçar,
Uma inquietude toma conta e perturba,
Então a melhor maneira, é fechar os olhos e orar,
Então lembro que Jesus também passou por isso,
E nos ensinou como agir e suportar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário