Rodeado por muitos e na solidão

Rodeado por muitos e sentindo-se na solidão,
Uma sensação estranha para alguém sentir
Já que nem sempre a companhia de muitos,
Significa que estamos bem acompanhados.

Olhares curiosos, invejosos, maldosos,
Percebemos e sentimos que não nos faz bem,
Em um ambiente que se encontra pesado,
Pior ainda quando esse lugar é dentro da igreja.

Uma sensação angustiante e dificil de tolerar,
Parece que somos mais estranhos, que irmãos,
Onde aquele que nos abraça e chama de amigo,
Faria de tudo para nos ver caido no chão.

Parecem flechas atiradas para matar,
Derrubar de vez e acabar com o ministério,
E mesmo sendo em um lugar sagrado,
Alguns não estão ali com o coração sincero.

Olhando ao redor em ninguém confiamos,
Mas sei que existem os de bom coração,
É o desconforto de ter sentido de perto,
O quanto dói suportar, a falsidade e a traição.

Então olho pra Jesus e pela fé posso ver
Que tudo isso ele também suportou,
Cumpriu sua missão, não importou com os críticos,
Saiu triunfante vencendo a morte e a dor

Um comentário:

  1. Olá Pr. Timóteo!

    Parabéns pelo belo trabalho aqui no blog. Já o estou seguindo!

    Aproveito para lhe convidar a conhecer o meu blog, e se quiser também segui-lo, será uma honra.

    Seus comentários também serão sempre bem-vindos.

    www.hermesfernandes.blogspot.com

    Fica na paz!

    ResponderExcluir